Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
Iniciar sessão

Seminário Sobre o Fenómeno de Funcionários Fantasmas nas Administrações Públicas Modernas

30-05-2016
​A Escola Nacional da Administração – ENAD realizou no passado dia 26 de Maio, em Luanda, um seminário sobre “Fenómeno de Funcionários Fantasmas nas Administrações Públicas Modernas”, com o objectivo de fortalecer a actuação preventiva e orientadora, de modo a evitar as falhas involuntárias ou deliberadas por parte dos actores dos processos de gestão de recursos humanos.
 
O evento teve a honra de abertura de sua excelência, António Paulo, Secretário de Estado para a Administração Pública, tendo frisado que para o combate deste facto é necessário promover a legalidade, juridicidade e o sentido de responsabilidade no controlo da assiduidade e produtividade.
  
No evento, foram discutidos temas como “Dimensões e impacto orçamental do fantasma na administração pública angolana”, “A problemática do funcionário fantasma na administração pública moderna” e “Factores de risco do surgimento do funcionário fantasma: perspectiva e mecanismos de controlo na administração pública angolana”.
  
Ao encerrar o acto, António Paulo frisou que o sucesso da melhoria do funcionamento de uma administração e o funcionamento dos serviços públicos depende do trabalho feito pelos directores, chefes de departamento, secção e técnicos. “Só haverá uma economia forte se tivermos instituições públicas fortes e uma administração pública institucionalizada”, sublinhou o governante.
  
Como parte dos esforços do executivo angolano no sentido de erradicar o fenómeno do funcionário fantasma, decorre uma campanha de recadastramento dos funcionários, processo que exigiu a introdução de métodos modernos de controlo da efectividade e assiduidade, incluindo o registo biométrico.